fbpx
A violência contra a mulher tem que acabar!

Artigos

A violência contra a mulher tem que acabar!

Dep. Joana Darc
Escrito por Dep. Joana Darc em 28/11/2019

Ano após ano vemos casos de violência contra a mulher cada vez mais cruéis no Brasil. No dia 25 deste mês, data que se comemora o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher, uma jovem foi agredida por seu companheiro com um cabo de vassoura na zona Leste de Manaus. Como ela, tantas outras passaram e passam por situações parecidas ou piores todos os dias.

As estatísticas comprovam a realidade da violência contra as mulheres, da qual tomamos conhecimento todos os dias. No Brasil, a cada 2 minutos uma mulher registra uma agressão, e todos os dias pelo menos 3 mulheres são vítimas de feminicídio. No Amazonas, estamos trabalhando arduamente para que mais políticas públicas sejam criadas em defesa da mulher. Hoje já vemos alguns avanços na luta contra a violência doméstica, mas precisam de continuidade e apoio por todas as instituições.

Graças a esses ganhos em relação às leis que nos amparam e protegem, podemos ver que mais mulheres estão denunciando seus agressores. Estou trabalhando para que cada vez mais as mulheres tenham coragem de denunciar, pois esse é o primeiro passo. Por isso criei o projeto de lei que estabelece lotação mínima de 60% de servidores do sexo feminino nas Delegacias Especializadas em Crimes contra a Mulher. Essa abordagem das vítimas feita por mulheres diminui o constrangimento por serem atendidas por policiais homens, muitas vezes despreparados e menos sensíveis.

Podemos dizer que já subimos alguns degraus. Antes tínhamos apenas uma delegacia especializada no estado! Agora já contamos com três unidades em funcionamento localizadas na Zona Sul, Centro-Sul e Zona Norte de Manaus. No municípios do interior do estado, estamos avançando, pois já contamos com o apoio das Delegacias Especializadas de Polícia, voltadas para o atendimento das mulheres, idosos e crianças em dez municípios.

O crime contra a mulher não pode mais ficar impune. Nós mulheres precisamos denunciar sempre, nos posicionar e nunca nos calar. Caminho junto a cada uma dessas mulheres, com o compromisso de lutar pelas mulheres amazonenses.

Joana Darc

Deputada Estadual (PL), Advogada, Servidora Pública e Protetora dos Animais

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *